app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Nacional

Deputado eleito do PT � preso em Minas Gerais

Paulo Peixoto Folhapress Belo Horizonte, MG – Em uma operação realizada pela Polícia Federal em cinco estados (Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Alagoas) e mais o Distrito Federal, com o foco em “organização criminosa especializad

Por | Edição do dia 24/11/2006 - Matéria atualizada em 24/11/2006 às 00h00

Paulo Peixoto Folhapress Belo Horizonte, MG – Em uma operação realizada pela Polícia Federal em cinco estados (Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná e Alagoas) e mais o Distrito Federal, com o foco em “organização criminosa especializada em crimes financeiros” localizado em Belo Horizonte, foi preso ontem o deputado federal eleito Juvenil Alves Filho (PT-MG), um dos principais advogados tributaristas de Minas. Alves, de 47 anos, é apontado como suspeito de ser o “mentor e executor” de práticas fiscais e financeiras ilegais para “blindagem patrimonial” de empresas e empresários devedores de impostos e tributos, segundo a PF, Receita Federal e o Ministério Público Federal, que atuaram na Operação Castelhana. Alves disse ter sido surpreendido. ### Em AL, policiais apreendem material em apartamento | GILVAN FERREIRA Repórter Em Alagoas, a Operação Castelhana foi desencadeada no início da manhã de ontem, às 6h, sob o comando do delegado federal Fernando Castro, que, com mandado de busca e apreensão, recolheu documentos, computadores e equipamentos da sede do escritório do contador Alberto Pereira, que funcionava em um apartamento na Avenida Abdon Arroxelas, na Ponta Verde. O material apreendido foi levado para a sede da PF, em Jaraguá. ///

Mais matérias
desta edição