app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Nacional

PT contraria Lula e lan�a Chinaglia

Fábio Zanini e Leticia Sander Folhapress Brasília, DF – A exemplo do que ocorreu há dois anos, o PT decidiu correr o risco de desagregar a base parlamentar do presidente Lula e lançou ontem candidato próprio a presidente da Câmara, o líder do governo na

Por | Edição do dia 06/12/2006 - Matéria atualizada em 06/12/2006 às 00h00

Fábio Zanini e Leticia Sander Folhapress Brasília, DF – A exemplo do que ocorreu há dois anos, o PT decidiu correr o risco de desagregar a base parlamentar do presidente Lula e lançou ontem candidato próprio a presidente da Câmara, o líder do governo na Casa, Arlindo Chinaglia (SP). A decisão bate de frente com desejo expresso por Lula à direção do PT, em reunião no Palácio do Planalto em 16 de novembro, de que queria a recondução de Aldo Rebelo (PC do B-SP) ao cargo. O partido preferiu um lançamento sem contornos de confronto, apresentando o nome de Chinaglia para a construção de uma candidatura única da base. Em tese, o partido pode recuar mais à frente. ///

Mais matérias
desta edição