app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5750
Opinião

Expectativas

Pelos resultados das urnas na primeira eleição do século e do milênio, a população feminina continuará sem nenhuma representante alagoana na Câmara Federal. E a Assembléia Legislativa passa a contar, entre seus integrantes, com apenas duas mulheres, quand

Por | Edição do dia 13/10/2002 - Matéria atualizada em 13/10/2002 às 00h00

Pelos resultados das urnas na primeira eleição do século e do milênio, a população feminina continuará sem nenhuma representante alagoana na Câmara Federal. E a Assembléia Legislativa passa a contar, entre seus integrantes, com apenas duas mulheres, quando teve mais, nos últimos anos, defendendo, no plenário e nas comissões técnicas, não apenas os interesses desse segmento da população. A região Norte, que já mandou lideranças das mais destacadas para os poderes Executivo e Legislativo, inclusive em nível nacional, desta feita sequer fez, entre seus moradores ou políticos ali nascidos, pelo menos um que poderia ser o porta-voz de seus anseios na próxima legislatura na Casa de Tavares Bastos. Aguardemos os resultados, da atuação dos vitoriosos para a representação alagoana nas duas casas do Congresso Nacional no legislativo estadual, na esperança que eles correspondam as melhores expectativas do povo. Mas sem esquecer os serviços prestados pelos vencidos de agora, principalmente no cumprimento de seus mandatos, independentemente de partidos e ideologia. E o dever e a obrigação que têm o legislador, qualquer homem público e o simples cidadão de se dedicarem em prol da coletividade. Só podemos esperar que o comportamento, palavras e atos dos mais experientes e dos que estarão entre os mais novos no poder sejam de acordo com os anseios gerais, verdadeiramente voltados para o povo. Sabem todos que são muitos e enormes os problemas sociais e econômicos mundiais, nacionais. Sobretudo, em nosso Estado. Suas soluções não serão possíveis, a curto, médio e longo prazos, sem que o detentor de cargo eletivo conte com a participação dos diversos segmentos da sociedade, e cumpra suas tarefas com a devida responsabilidade. E compreenda a lição, cada vez mais atual, de Arnold Toynbee: no mundo do tempo e da mudança não há último capítulo. A solução de um problema cria outros problemas, imprevistos e sem dúvidas não produzidos intencionalmente.

Mais matérias
desta edição