app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Opinião

At� onde vai a crueldade humana?

Chocante! Monstruoso! Desesperador! Não há adjetivos que expressem o impiedoso quadro de migrantes que ficam à deriva, no mar, em busca de socorro! A quantidade de pessoas que procuram se libertar do desemprego, da opressão e da fome vem crescendo demais.

Por | Edição do dia 23/05/2015 - Matéria atualizada em 23/05/2015 às 00h00

Chocante! Monstruoso! Desesperador! Não há adjetivos que expressem o impiedoso quadro de migrantes que ficam à deriva, no mar, em busca de socorro! A quantidade de pessoas que procuram se libertar do desemprego, da opressão e da fome vem crescendo demais. Barcos clandestinos saem da Líbia com destino à Europa, sobretudo à Itália. O governo italiano considera a situação fora de controle! Segundo ACNUR (Agência da ONU para Refugiados), somente entre 10 e 17 de Abril de 2015, 13.500 pessoas foram resgatadas e 1.000 teriam morrido! Essa é a rota mais mortal do planeta! Não é só o Mediterrâneo que vive esse quadro de horror. Milhares de cidadãos da Birmânia e Bangladesh estão à deriva, no Golfo de Bengala e no Mar do Andaman. A situação é trágica também no Largo da Tailândia, da Malásia e da Indonésia. Esses países têm ignorado os pedidos das organizações internacionais e dos EUA. Centenas de pessoas encontram-se apinhadas em frágeis embarcações, sem água e alimentos, morrendo cruelmente! Corpos jogados no mar, como lixo! Onde andam o respeito, a solidariedade e a caridade humana? As pessoas não mais se sensibilizam. Volto a dizer: a vida tornou-se banal! O representante da União Europeia no Brasil, João José Soares Pacheco, diz: “Temos de combater a imigração ilegal. As redes que atuam nesta área não tratam as pessoas como humanos, mas como animais, abandonando-as no deserto e no mar”. Como animais? Contesto! Eles têm muito mais proteção do que os humanos! O mundo todo protestou com o sacrifício de uma girafa, na Dinamarca, em 2014. Seja agressivo com qualquer animal, e veja a reação das Organizações Protetoras de Animais e da mídia! Em que mundo vivemos? Enfim, lemos manchetes animadoras em 21/05/2015 nos jornais do País. Diz a Folha de S.Paulo: “Malásia e Indonésia aceitam acolher migrantes.” GA: “Sete mil pessoas que faziam travessia ilegal pelo Mediterrâneo serão acolhidas”. E barcos, já esvaziados por dezenas de mortos, finalmente são recebidos. Com uma ressalva: O acordo é temporário. A crise generalizou-se! Temos crise ética e moral. Temos crise de respeito e de dignidade! Até onde vai a crueldade humana?

Mais matérias
desta edição