app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5731
Opinião

“Desagrad�vel ou feliz anivers�rio?”

Felicidades, presentes e muita comilança é o que costuma acontecer para muitos no dia de seu aniversário. O convite é espalhado para pessoas conhecidas, amigas, parentes e do convívio do dia a dia. Quem não gosta de comemorar o seu aniversário, principalm

Por | Edição do dia 09/07/2015 - Matéria atualizada em 09/07/2015 às 00h00

Felicidades, presentes e muita comilança é o que costuma acontecer para muitos no dia de seu aniversário. O convite é espalhado para pessoas conhecidas, amigas, parentes e do convívio do dia a dia. Quem não gosta de comemorar o seu aniversário, principalmente se temos condições de fazer um banquete para os convidados. Atualmente, fala-se muito em crise econômica. Tanto em nosso país, o Brasil, como no continente europeu, especialmente na Grécia. Contudo, a crise não impede que aniversários aconteçam. Vejo muitos aniversários sendo comemorados com banquetes oferecidos para os convidados. Mas, será que todos os aniversários são realmente feliz? Ou também são desagradáveis? Certamente, esperamos que o dia de aniversário seja de plena felicidade para o aniversariante e todos os convidados. Então, o que o tornaria um aniversário desagradável? Posso dizer que quando este não é comemorado no temor, vontade e sob a graça do Senhor e Criador dos céus e terra, que te deu a vida. A Bíblia Sagrada, no Evangelho de Marcos, capítulo 6, versículos 14-29, relata um aniversário desagradável, em vez de ser um dia de felicidade. “E, chegando um dia favorável, em que Herodes no seu aniversário natalício dera um banquete aos seus dignitários, aos oficiais militares e aos principais da Galiléia, entrou a filha de Herodias e, dançando, agradou a Herodes e aos seus convivas. Então, disse o rei à jovem: Pede-me o que quiseres, e eu to darei (Mc 6.21-22). Herodes, ofereceu um presente para a dançarina que tanto lhe alegrou. Portanto, o que não esperava o rei é que esta jovem, pedisse a cabeça de um homem em uma bandeja, a de João Batista. Esse pedido tornou aquele aniversário desagradável. Herodes sem temor algum de Deus, manda executar a João, mesmo podendo quebrar esse juramento. Podemos dize que esse foi um aniversário sangrento. Muitas vezes, aniversariantes, permitem e tornam seu dia de aniversário sangrento e desagradável, por não viver no temor, amor, vontade e graça de Deus. Temos liberdade e privilégio de festejar nosso aniversário com amigos, parentes e com aqueles com quem convivemos. Portanto, não realize este para agradar ou fazer a vontade de pessoas, mas, festejar com elas, em agradecimento do dom da vida dada por Deus. Dessa maneira, teremos verdadeiro, agradável, felizes e abençoados aniversários.

Mais matérias
desta edição