app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Opinião

A idade é apenas um número .

.

Por Eliane Bodart - ex-juíza de Direito, Master Love e autora de seis livros | Edição do dia 17/02/2023 - Matéria atualizada em 17/02/2023 às 04h00

Glória Maria não permitia que ninguém divulgasse sua idade.

Em resposta a Fábio Porchat, disse que em sua lápide não haveria aquela história “nasceu em tanto, morreu em tanto”. Queria ser lembrada com a seguinte frase: “A mulher sem idade”. Para seu desgosto, essa foi a primeira informação que divulgaram quando ela não podia mais se defender. E qual o motivo de uma mulher de tanto sucesso, uma unanimidade em competência e excelência, cheia de namorados, mãe, que lutou contra a discriminação racial e é inspiração para pessoas de todos os extratos sociais, esconder sua idade? Ouso arriscar que mesmo ela não queria ser nivelada por algo tão simplório quanto seus anos de vida. Vivemos em uma sociedade que preza esse elemento e te julga por ele. Tem mais de 40 anos? Parece que se tornou imprestável como profissional e, muito pior, como mulher.

Passa a ser “uma velha” que deve se recolher em sua insignificância. A mulher acima de 40 anos normalmente já adquiriu independência financeira. E isso não quer dizer que ela ganha tanto ou quanto o homem, mas tem o suficiente para se sustentar e, muitas vezes, sua casa, seus filhos e seus pais. Essa mulher teve experiências amorosas suficientes para descobrir o que lhe dá prazer. Já sabe quais são suas qualidades e convive harmoniosamente com suas imperfeições. Muitas vezes nessa faixa etária está em transição de carreira ou se lançando em novas frentes. Portanto, não aceita o papel de “meia-idade”, de “senhora”, de “avozinha”, nos conceitos estereotipados de uma sociedade ainda machista. Não falar sua idade, portanto, não é vaidade, é defesa. É nossa insurreição contra todos os “nãos” que nos impõem simplesmente por sermos mulheres. — Não tem mais idade para isso. — Nessa idade usando cabelo assim ou assado? — Isso é roupa que uma mulher da sua idade usa? — Não acredito que você está pensando em namorar com essa idade?

Creio que é por essas e outras que Glória Maria lutou tanto contra a divulgação dessa informação. Ela não queria passar por uma menininha, e com tudo o que fez na vida, nem poderia. Ela apenas não queria ser julgada por um número. A idade de uma mulher é um único elemento no universo infinito de possibilidades desse ser multifacetado que somos. Nós não temos nenhum problema em assumirmos nossa idade. Apenas somos muito mais que isso. Eu sou Eliane Bodart, tenho 56 anos e minha idade não me define.

Mais matérias
desta edição