app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5712
Polícia

Pol�cia procura bando que assalta coletivos

Grupos especiais das polícias Civil e Militar procuram, em todo o Estado, uma poderosa quadrilha, possivelmente do Estado da Paraíba, que vem praticando assaltos a coletivos de turistas nas estradas alagoanas. O serviço reservado das polícias acredita que

Por | Edição do dia 21/09/2002 - Matéria atualizada em 21/09/2002 às 00h00

Grupos especiais das polícias Civil e Militar procuram, em todo o Estado, uma poderosa quadrilha, possivelmente do Estado da Paraíba, que vem praticando assaltos a coletivos de turistas nas estradas alagoanas. O serviço reservado das polícias acredita que a prisão pode ocorrer a qualquer momento com a desarticulação da gangue, que este ano cometeu vários assaltos tendo faturado muito dinheiro, celulares, cartões de crédito e jóias nas estradas. Na noite de quinta-feira, às 21h15, no acesso à cidade de Marechal Deodoro, três homens usando metralhadoras e pistolas pararam o coletivo da empresa Paz Turismo de placa GKY-1359-SE, com cerca de 40 passageiros e roubaram R$ 3 mil em dinheiro, além de vários celulares, roupas, jóias e cartões de crédito. O motorista Ed Carlos, que conduzia os turistas, em depoimento disse à polícia que foi obrigado a parar o coletivo sob a mira de armas pesadas dos três assaltantes que pareciam nervosos. Ele disse que ao parar o ônibus recebeu voz para mandar todos os passageiros descerem, entregar todos pertences e ficar com as mãos para cima. Depois que tudo foi recolhido, o grupo fugiu, entrando em um matagal. Policiais foram acionados, mas não conseguiram capturar os bandidos, que estão sendo procurados em todo o Estado por civis e militares. O delegado Tarciso Vitorino, da cidade de Marechal Deodoro, iniciou as investigações com diligências. Ele ouviu alguns passageiros com o objetivo de tentar, através de retrato falado, tentar fazer a identificação dos três bandidos. O caso foi comunicado ao delegado Carlos Alberto Fernandes dos Reis, diretor do Departamento de Polícia do Interior (Depin), que participa das operações policiais.

Mais matérias
desta edição