app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5709
Polícia

Arma usada em treinamento fere olho de agente policial

O agente de Polícia Civil, Alexandre da Silva, foi ferido, ontem, durante treinamento realizado na Academia de Polícia Civil do Estado. Segundo o presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sindpol), Carlos Jorge, o acidente é conseqüência das armas “a

Por | Edição do dia 28/09/2002 - Matéria atualizada em 28/09/2002 às 00h00

O agente de Polícia Civil, Alexandre da Silva, foi ferido, ontem, durante treinamento realizado na Academia de Polícia Civil do Estado. Segundo o presidente do Sindicato dos Policiais Civis (Sindpol), Carlos Jorge, o acidente é conseqüência das armas “arcaicas” que são disponibilizadas à Academia. Ele afirmou que essas mesmas armas é que protegerão a sociedade durante as eleições. Carlos Jorge explicou que, ao acionar um revólver durante treinamento na Academia de Polícia Civil, Alexandre da Silva foi atingido pela munição. “Ela explodiu em suas mãos”, enfatizou, acrescentando que a munição acabou por atingir o olho do agente. Um dos candidatos aprovados no concurso da Polícia Civil, Alexandre, segundo Carlos Jorge, foi levado ao Hospital de Pronto-Socorro, onde foi medicado e voltou em seguida para a Academia. “Mas ele se sentiu mal e dirigiu-se ao Hospital de Olhos Santa Luzia, onde passou por exames mais detalhados que constataram a presença de um pedaço de tambor em seu olho”, relatou. “Se os R$ 600 mil não tivessem sido desviados do Fundo Nacional de Segurança Pública o Estado poderia ter investido em armas novas e acidentes desse tipo não aconteceriam”, afirmou Carlos Jorge.

Mais matérias
desta edição