app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5709
Polícia

Comerciante � assassinado a tiros

Sucursal Arapiraca – O comerciante Ronaldo Ferreira da Silva, 22 anos, foi encontrado morto nas imediações da AL-115, nas proximidades do Sítio Água Salgada, Vila de São José, na zona rural de Arapiraca. O corpo foi achado por populares, ontem. De acord

Por | Edição do dia 02/11/2002 - Matéria atualizada em 02/11/2002 às 00h00

Sucursal Arapiraca – O comerciante Ronaldo Ferreira da Silva, 22 anos, foi encontrado morto nas imediações da AL-115, nas proximidades do Sítio Água Salgada, Vila de São José, na zona rural de Arapiraca. O corpo foi achado por populares, ontem. De acordo com informações repassadas pela polícia, o comerciante foi assassinado com vários disparos de arma de fogo. Os moradores informaram ter ouvido os disparos, na noite de quinta-feira, por volta das 19 horas. O corpo foi encontrado há cerca de dez metros da margem da rodovia. Os familiares da vítima, que trabalhava com revenda de peças de motocicletas, revelaram que a moto do comerciante, a carteira porta-cédulas e o aparelho celular foram roubados. Espingarda Um outro crime também praticado na noite da última quinta-feira, na cidade de Arapiraca, teve como vítima o trabalhador Djalma da Silva, 38. Ele foi assassinado com um tiro de espingarda calibre 28, na região do tórax. A ação ocorreu, presume-se, por volta das 22 horas, próxima à casa da vítima, situada no sítio Capim, na zona rural de Arapiraca. O trabalhador ainda chegou a ser socorrido por populares e levado para o Hospital Regional de Arapiraca, mas não resistiu a gravidade dos ferimentos e faleceu, antes de entrar na sala de cirurgia. Familiares da vítima suspeitam que o crime tenha sido praticado por um vigilante que circula na região. Entretanto, não quiseram revelar quais motivos o suspeito teria para praticar o assassinato. A polícia já abriu inquérito para apurar as responsabilidades pelos dois crimes.

Mais matérias
desta edição