app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Esposa � acusada na morte de agente

O assassinato do agente de fiscalização de trânsito Jeferson Araújo de Omena, 49 anos, ocorrido na última quinta-feira (14), em sua residência, no bairro do Benedito Bentes, estaria esclarecido. Sandra Lima de Omena, 43, esposa da vítima, seria a mandante

Por | Edição do dia 21/02/2013 - Matéria atualizada em 21/02/2013 às 00h00

O assassinato do agente de fiscalização de trânsito Jeferson Araújo de Omena, 49 anos, ocorrido na última quinta-feira (14), em sua residência, no bairro do Benedito Bentes, estaria esclarecido. Sandra Lima de Omena, 43, esposa da vítima, seria a mandante do crime e deveria se apresentar à polícia para ser interrogada, na tarde ontem. O crime é investigado pelo delegado Cícero Lima, da Delegacia de Homicídios. A Gazeta tentou, durante toda a tarde de ontem, entrar em contato por telefone com o delegado Cícero Lima para obter mais detalhes sobre o esclarecimento do caso, mas não obteve êxito. Na Delegacia de Homicídios, o delegado José de Anchieta informou que Cícero Lima estava fora, trabalhando em uma operação. O delegado José de Anchieta informou ainda que a acusada, a viúva Sandra Lima, não tinha comparecido à delegacia, conforme fora intimada. “Amanhã [hoje], a partir das 9 horas da manhã, teremos mais informações sobre o caso. Se possível até marcaremos uma entrevista coletiva com a imprensa”, disse. O presidente da Associação dos Servidores da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT), Dijurandis Batista da Silva, disse que tanto a associação quanto a SMTT deram todo o suporte necessário para a família de Jeferson Araújo, bem como as informações necessárias sobre o servidor público para os órgãos responsáveis pelas investigações do crime. * Sob supervisão da editoria de Cidades.

Mais matérias
desta edição