app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Viol�ncia: cinco mulheres s�o espancadas em apenas 3 horas

O Centro de Operações da Polícia Militar informou, ontem, através de um relatório, que cinco mulheres foram espancadas em apenas três horas. Entre 18 e 21 horas da última terça-feira, as vítimas prestaram queixas ao Comando de Policiamento da Capital (CPC

Por | Edição do dia 07/11/2002 - Matéria atualizada em 07/11/2002 às 00h00

O Centro de Operações da Polícia Militar informou, ontem, através de um relatório, que cinco mulheres foram espancadas em apenas três horas. Entre 18 e 21 horas da última terça-feira, as vítimas prestaram queixas ao Comando de Policiamento da Capital (CPC). Os acusados foram presos e entregues à Polícia Civil para procedimento legal. Eram aproximadamente 18h20, quando o cabo PM Omena, do 5º Batalhão, recebeu determinação de se deslocar até o Conjunto Verde Vale, no Jacintinho, onde estava havendo uma ocorrência. No local, ele constatou que a dona de casa Zerene Bezerra da Silva, 33, tinha sido espancada. Ele realizou diligência e prendeu Ivanildo Carneiro da Silva, apreendendo com o acusado uma faca-peixeira. O sargento PM Damião, da Radiopatrulha, prendeu num trecho da Avenida Antoniel Pimentel, no Barro Duro, o popular Gilmar Francisco dos Santos, 19, acusado de agredir fisicamente a esposa, Lúcia da Silva Oliveira, 30. Com ele, também foi apreendida uma faca. José Cícero Santino, 29, espancou a esposa Marinalva Alexandre da Silva, 36, no Tabuleiro do Martins. Antônio Carlos Rodrigues Cruz, 30, foi preso pela guarnição do soldado PM Amaro, no Tabuleiro, após agredir Lílian Barbosa dos Santos, 14. A doméstica Maria Aparecida de Araújo da Silva, 32, denunciou à polícia ter sido espancada pelo marido José Ivanildo da Silva, 34, crime ocorrido em sua residência, na Rua Nova Vila, 44, em Bom Parto.

Mais matérias
desta edição