app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Preso foge de delegacia que amea�a desabar em Atalaia

O prédio onde funciona a delegacia de polícia da cidade de Atalaia pode desabar a qualquer momento. Praticamente toda a estrutura física está comprometida. Parte do teto caiu e o delegado Cícero Paulo Barros Costa relata que, por conta do estado de ab

Por | Edição do dia 09/11/2002 - Matéria atualizada em 09/11/2002 às 00h00

O prédio onde funciona a delegacia de polícia da cidade de Atalaia pode desabar a qualquer momento. Praticamente toda a estrutura física está comprometida. Parte do teto caiu e o delegado Cícero Paulo Barros Costa relata que, por conta do estado de abandono, há cerca de 15 dias um preso de Justiça conseguiu fugir. “Tenho medo de manter alguém preso nesta delegacia. Sei que o prédio pode ruir e desabar em cima de quem estiver dentro dele. A situação é do conhecimento da Secretaria de Defesa Social, que deve adotar meditas. O cartório e o meu gabinete funcionam em uma casa cedida pela prefeitura, que fica ao lado da delegacia, também sem estrutura para funcionar”, alerta Cícero Paulo Barros Costa. A autoridade policial enfatiza que a Secretaria de Defesa Social está buscando meios para resolver o problema e que teria em vista uma casa para alugar e mudar a sede da delegacia de polícia. Espera, no entanto, que essa medida seja adotada logo por conta da necessidade de se preservar a integridade dos presos de Justiça e do próprio patrimônio da Polícia Civil. Na opinião do delegado, a sociedade atalaiense tem cobrado, através da imprensa, meios para que os policiais ali destacados possam efetivamente ter condições de trabalhar. Alguns presos alegam que convivem com lixo e fedentina e que a saúde está em jogo. A autoridade policial acredita que o problema deverá ser resolvido logo com a mudança da delegacia para outro local.

Mais matérias
desta edição