app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Polícia

Opera��o policial det�m golpistas

Uma operação conjunta realizada na manhã de ontem pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope) e guarnições da Polícia Militar (PM) resultou na prisão de cinco homens suspeitos de integrar uma organização criminosa especializada em golpes contra médicos, h

Por | Edição do dia 06/08/2015 - Matéria atualizada em 06/08/2015 às 00h00

Uma operação conjunta realizada na manhã de ontem pelo Batalhão de Operações Especiais (Bope) e guarnições da Polícia Militar (PM) resultou na prisão de cinco homens suspeitos de integrar uma organização criminosa especializada em golpes contra médicos, hospitais e clínicas alagoanas. Segundo informações dadas pela polícia, o bando repassava livros para estudantes e profissionais nos valores de R$ 800 a R$ 2 mil. O dinheiro da venda seria para contribuir com uma unidade de internação de dependentes químicos falsa. Os golpes, conforme a assessoria de imprensa da Secretaria Estadual de Defesa Social e Ressocialização (Sedris), eram aplicados nos estados de Sergipe e de Alagoas. De acordo com o tenente Washington, do Bope, um dos envolvidos, que foi identificado como Augusto César Alves dos Santos, estava acompanhado de mais dois comparsas quando foi detido por um vigilante do Hospital Universitário Professor Alberto Antunes (HUPAA), localizado no Tabuleiro do Martins, parte alta de Maceió. “Na operação, conseguimos apreender um veículo com placa fria registrada de Sergipe. Além disso, identificamos que eles contavam uma história para sensibilizar as vítimas e vendiam livros para ajudar uma suposta instituição. As informações preliminares dão conta de que eles se passavam por ex-dependentes químicos e aplicavam os golpes em médicos e pessoas da área da saúde”, explica o tenente. * Sob supervisão da editoria de Cidades.

Mais matérias
desta edição