app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Polícia

Com medo, padres refor�am seguran�a

Medo! É o sentimento entre os padres desde que os ataques contra as paróquias e agressões a eles começaram, no início deste ano. Para tentar se proteger, os padres se reuniram e decidiram reforçar a segurança das igrejas, com câmeras de monitoramento, cer

Por | Edição do dia 06/08/2015 - Matéria atualizada em 06/08/2015 às 00h00

Medo! É o sentimento entre os padres desde que os ataques contra as paróquias e agressões a eles começaram, no início deste ano. Para tentar se proteger, os padres se reuniram e decidiram reforçar a segurança das igrejas, com câmeras de monitoramento, cercas elétricas, vigilância pessoal, cuidados com visitas de desconhecidos, entre outras iniciativas. Com a prisão da quadrilha acusada nos assaltos e roubos, eles se dizem mais aliviados, no entanto, temem que outros possíveis integrantes do grupo continuem as ações criminosas. “Estamos acompanhando o caso através dos meios de comunicação. A expectativa era de que soluções fossem apresentadas”, disse o padre Rodrigo Rios, membro do setor de comunicação da Igreja Católica. Segundo ele, alguns padres fizeram o reconhecimento, por meio de fotos apresentadas pela polícia, dos cinco presos acusados de integrar a quadrilha apontada nos ataques às paróquias e agressões aos religiosos. “Não sabemos se há outros envolvidos, por isso ainda há temor e os párocos continuam em alerta”, afirmou. Ele disse que muitas reuniões foram realizadas com os padres vítimas da violência. Nesses encontros, eles decidiram tomar medidas de segurança pessoal e para as igrejas. “Graças a Deus sempre tivemos apoio dos fiéis, muitos deles integrantes da polícia, que deram proteção aos padres”.

Mais matérias
desta edição