app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Lavadeira denuncia ter sido estuprada pela segunda vez

A lavadeira Joelma Almeida dos Santos, 21, foi, pela segunda vez, vítima de estupradores que atacam no bairro de Jaraguá. Na manhã de ontem ela foi encontrada nua, em um galpão abandonado, por uma equipe da Radiopatrulha, comandada pelo tenente Vieira

Por | Edição do dia 30/04/2003 - Matéria atualizada em 30/04/2003 às 00h00

A lavadeira Joelma Almeida dos Santos, 21, foi, pela segunda vez, vítima de estupradores que atacam no bairro de Jaraguá. Na manhã de ontem ela foi encontrada nua, em um galpão abandonado, por uma equipe da Radiopatrulha, comandada pelo tenente Vieira. “Ela estava totalmente nua e disse que foi violentada durante a noite por um elemento que usava uma faca-peixeira”, explica o oficial que a conduziu para o Instituto Médico Legal Estácio de Lima, onde a lavadeira foi submetida a exame de conjunção carnal. O acusado está sendo procurado pelos agentes do 2º Distrito Policial. O delegado Waldor Coimbra vai ouvir a vítima e instaurou inquérito policial. A lavadeira Joelma Almeida dos Santos, que reside no Conjunto José da Silva Peixoto, no Jacintinho, disse que em noites de segunda-feira costuma fazer caminhadas pela praia de Jaraguá. E que há dois anos ela foi vítima quase que no mesmo local. “Passavam das 19h quando fui parada e abordada por um homem de aproximadamente 35 anos. Ele me mostrou uma enorme faca e disse que se eu fizesse barulho seria morta. Tive que atender. Não sei se fui drogada. O fato é que fui encontrada desmaiada pela polícia que me socorreu”, explica Joelma Almeida.

Mais matérias
desta edição