app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5714
Polícia

IML recebe seis corpos

Sucursal Arapiraca – O Instituto Médico Legal (IML)  de Arapiraca recebeu, no último fim de semana, os corpos de seis pessoas, sendo duas vítimas de acidentes automobilísticos, duas em virtude de facadas, um de queda  de cavalo, além de um suicida. O prim

Por | Edição do dia 19/03/2002 - Matéria atualizada em 19/03/2002 às 00h00

Sucursal Arapiraca – O Instituto Médico Legal (IML)  de Arapiraca recebeu, no último fim de semana, os corpos de seis pessoas, sendo duas vítimas de acidentes automobilísticos, duas em virtude de facadas, um de queda  de cavalo, além de um suicida. O primeiro cadáver a dar  entrada foi o de Wellington Luís Silva Santos, de 20 anos, morto na noite do último sábado, em Penedo, com várias facadas na barriga. Seu corpo foi encontrado nas proximidades de sua residência, na Rua Santa Izabel. Enquanto seu cadáver era transportado para o IML de Arapiraca, a Polícia dava início às diligências para tentar prender o acusado, que ainda não foi identificado. O segundo corpo a dar entrada no IML no fim de semana foi o de Livson Silva Xavier, assistente técnico pernambucano que morreu vítima de capotamento na BR-101, no município de Porto Real do Colégio. De acordo com informações da polícia local, ele residia em Recife e se dirigia à capital sergipana, quando perdeu o controle de seu veículo e veio a falecer. Ainda no sábado, o IML recebeu o cadáver de José Alípio Silva, de 40 anos, que morreu em decorrência das fraturas múltiplas ocasionadas por uma queda de cavalo, em uma propriedade na zona rural de Feira Grande. No mesmo dia houve ainda outra vítima de facadas e cacetadas: Antônio Barbosa de Farias, que morreu na Rua Nova, em Monteirópolis, na região sertaneja. A polícia vem investigando o caso, mas ainda não tem pistas do acusado do crime, praticado na manhã de sábado. Suicídio Na manhã de domingo, os auxiliares de necropsia do IML recolheram o cadáver de José Cícero da Silva, comerciante de 47 anos que residia na Rua Santa Rita, bairro Brasília, em Arapiraca. Ele se suicidou amarrando uma corda no pescoço e pulando de cima de uma cadeira. A última vítima do fim de semana foi Rosicleide Farias Pitanga, morta em colisão entre seu veículo, um Fiat Uno, e um caminhão, às 22 horas do último domingo, nas proximidades do Sítio Bom Jardim, às margens da AL-220, em Arapiraca.

Mais matérias
desta edição