app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Fugitivo do Comando Vermelho � capturado pela Pol�cia Civil

O carioca do subúrbio de Acari, Rio de Janeiro, Marcos França Monteiro, 31, foragido do Comando Vermelho, após, conforme ele, contrariar algumas regras da organização criminosa e fugir para Maceió, foi preso, na noite de terça-feira, no Mercado da Pro

Por | Edição do dia 03/07/2003 - Matéria atualizada em 03/07/2003 às 00h00

O carioca do subúrbio de Acari, Rio de Janeiro, Marcos França Monteiro, 31, foragido do Comando Vermelho, após, conforme ele, contrariar algumas regras da organização criminosa e fugir para Maceió, foi preso, na noite de terça-feira, no Mercado da Produção, acusado de matar um homem conhecido por “Jó”, a golpes de cacete, crime registrado na Levada. A prisão foi efetuada pelos agentes do 1º Distrito Policial, comandados pelo chefe de operações Ivanildo Barbosa. “O Marcos França é responsável pelas bocas-de-fumo existentes na Feira do Passarinho”, afirmou Ivanildo Barbosa. Marcos França Monteiro diz que, durante quatro anos, foi homem de confiança do Comando Vermelho e era o principal fornecedor de maconha do Morro do Acari. “Quem entra para a organização jura bandeira, lealdade e até é capaz de matar os pais para respeitar as regras do crime organizado. Eu, na verdade, acabei cometendo alguns erros e fugi para Maceió, contudo, temo que o Comando Vermelho me descubra e mande me matar”, revela Marcos França, que diz, ainda, ter cursado até o segundo ano de Administração de Empresas em uma universidade no Rio de Janeiro. Ele afirmou que foi colega de “Meio Quilo” e “Tica”, já mortos, e do lendário “Escadinha”, hoje evangélico, mas que foi um dos maiores assaltantes de banco do País. “O Marcos tem uma conversa muito ‘bonita’. Eu, no entanto, acho que ele é um representante do Comando Vermelho, em Alagoas. Estou mantendo contato com a polícia carioca, a quem pedi informações sobre ele”, enfatizou o delegado José de Oliveira Barbosa.

Mais matérias
desta edição