app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Polícia

Acusado de crime amea�a executar a ex-namorada

Familiares do aposentado João Batista da Silva, 48, que morreu anteontem, na Unidade de Emergência Armando Lages, após ser ferido à bala pelo elemento Robson Pedro, ex-namorado de sua filha (DGS, 13), no último dia 13, denunciaram, ontem, no Instituto Méd

Por | Edição do dia 22/03/2002 - Matéria atualizada em 22/03/2002 às 00h00

Familiares do aposentado João Batista da Silva, 48, que morreu anteontem, na Unidade de Emergência Armando Lages, após ser ferido à bala pelo elemento Robson Pedro, ex-namorado de sua filha (DGS, 13), no último dia 13, denunciaram, ontem, no Instituto Médico Legal Estácio de Lima, para onde o cadáver foi trasladado, que o autor do crime está solto e morando no bairro da Levada. O aposentado foi alvejado dentro da residência da família na Rua São Francisco, 63, no Bom Parto, quando tentava evitar que Robson matasse sua filha, que também foi ferida, mas está fora de perigo. Revoltados, os familiares disseram ter sido informados de que o acusado prometeu, na primeira oportunidade, matar a ex-namorada, que está na casa de parentes, temendo, justamente, ter o destino do pai. “Ele estaria andando armado e fazendo ameaças. Nossa família é pacata e não quer vingança”- afirmou um membro da família, que não quis se identificar. Diante do quadro de ameaças de morte, a família decidiu procurar o delegado José de Deus Massa, do 1º Distrito Policial, e pedir que ele mande localizar e prender Robson Pedro, que teria avisado não temer a polícia. O chefe de serviço Gerson dos Santos, ontem mesmo iniciou diligências no sentido de localizar e prender o acusado.

Mais matérias
desta edição