app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Polícia

Miranda nega ter autorizado reforma na Defrauda��es

O ex-secretário de Defesa Social, Edmilson Miranda, rebateu as informações de que a reforma da Delegacia de Falsificações e Defraudações de Maceió, que está sendo investigada sob suspeita de superfaturamento, teria ocorrido na sua gestão. “Houve um gran

Por | Edição do dia 04/04/2002 - Matéria atualizada em 04/04/2002 às 00h00

O ex-secretário de Defesa Social, Edmilson Miranda, rebateu as informações de que a reforma da Delegacia de Falsificações e Defraudações de Maceió, que está sendo investigada sob suspeita de superfaturamento, teria ocorrido na sua gestão. “Houve um grande equívoco. A referida obra não poderia ter ocorrido quando eu respondia pela Defesa Social, simplesmente porque eu não solicitei reforma alguma e, ainda assim, as verbas destinadas pelo governo federal a essa secretaria só foram repassadas ao Estado em novembro do ano passado, e desde 11 de janeiro de 2001 eu havia deixado o cargo, depois de dois anos e meio de serviços prestados a Alagoas. Nenhum dos meus pedidos de liberação de dinheiro para comprar armamentos, coletes e viaturas foi atendido” – defendeu-se o ex-secretário. Segundo Edmilson Miranda, todos os seus pedidos de licitação foram anulados e refeitos pelo seu sucessor, Mário Pedro dos Santos, titular de Defesa Social na época da reforma daquela delegacia. “Admito especulações nas atividades executadas por mim, mas não posso responder pela administração de outras pessoas”. O atual secretário de Defesa Social, Antônio Arecippo, determinou novas diligências nas investigações para apurar o possível superfaturamento nas obras de reforma da Delegacia de Falsificações e Defraudações, que funciona na Ladeira do Brito, no Centro da cidade. Conforme consta no processo, os serviços custaram R$ 7.112, quando poderiam ter sidos executados por R$ 3.470,47, indicando, pela avaliação da secretaria, um acréscimo superior a 100% em relação ao verdadeiro custo da obra.

Mais matérias
desta edição