app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5751
Polícia

Posto do Banco Ita� no Cesmac � assaltado

Em uma ação rápida que não durou mais de três minutos, dois homens armados de pistola e revólver calibre 38 assaltaram, no início da noite de ontem, o posto de serviço do banco Itaú, no interior do prédio do Centro de Estudos Superiores de Maceió (Cesmac)

Por | Edição do dia 06/04/2002 - Matéria atualizada em 06/04/2002 às 00h00

Em uma ação rápida que não durou mais de três minutos, dois homens armados de pistola e revólver calibre 38 assaltaram, no início da noite de ontem, o posto de serviço do banco Itaú, no interior do prédio do Centro de Estudos Superiores de Maceió (Cesmac). Os ladrões levaram todo o dinheiro que estava nas gavetas e fugiram em um Palio branco, placa MUW-4885. Segundo o oficial de plantão no Comando de Policiamento da Capital, capitão Messias, os ladrões entraram na agência, renderam o vigilante Gilson Gomes Filho, 35, e, em seguida, atacaram os caixas, levando todo apurado do banco, que ficou fechado o resto da noite. O gerente do banco, Manuel Alves Pereira Filho, informou apenas que ainda não tinha como especificar a quantia levada pelos ladrões. “Outros detalhes sobre o assalto somente passaremos por meio de nossa assessoria de imprensa”, ressaltou. Pânico Uma testemunha, que pediu para não ser identificada, contou que o assalto gerou pânico entre os clientes que estavam no posto de serviço. “No momento em que os assaltantes invadiram, todos correram com medo de serem levados como refém”, narrou a testemunha, acrescentando que o trânsito estava movimentado na hora em que os bandidos deixaram a agência. Na Central Integrada de Atendimento Policial ao Cidadão (Ciapc), os agentes ainda tentavam obter novas informações que pudessem levar a captura dos assaltantes. “Já fizemos diligências por toda a Maceió, mas não encontramos nem vestígios dos ladrões”, garantiu o agente Ivanildo Ferreira, que comandou as buscas. Já no Comando de Policiamento da Capital, o capitão Messias assegurou que policiais militares da Rádio Patrulha iriam continuar fazendo diligências durante toda madrugada. “Pedimos, inclusive, para que as polícias rodoviárias Estadual e Federal montassem bloqueios nas principais saídas da cidade”, frisou o oficial.

Mais matérias
desta edição