app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Homens se identificam como policiais e matam dentista

Os homens que mataram o dentista Reinaldo Rafael de Albuquerque Ferreira, 55, tinham se identificado como policiais e mandado que ninguém se movesse, pouco antes de atirarem na direção das cinco pessoas que estavam na garagem da casa de número 610 da Quad

Por | Edição do dia 02/03/2004 - Matéria atualizada em 02/03/2004 às 00h00

Os homens que mataram o dentista Reinaldo Rafael de Albuquerque Ferreira, 55, tinham se identificado como policiais e mandado que ninguém se movesse, pouco antes de atirarem na direção das cinco pessoas que estavam na garagem da casa de número 610 da Quadra 13 do Conjunto Graciliano Ramos, no Tabuleiro do Martins, de propriedade da vítima. A informação foi prestada pela polícia por uma testemunha, identificada como Paulo Sérgio. O atentado aconteceu na noite da última sexta-feira e a vítima morreu na Unidade de Emergência Armando Lages. Saíram feridos José Juarez da Silva, 31, e Nivaldo Pereira Omena, 57, que já não correm risco. Dois matadores Paulo Sérgio declarou também que os dois homens estavam numa picape Ranger, cor branca, placa não anotada. Ambos eram brancos, tendo pouco mais de 1.72 de altura. Um deles estava de camisa branca e preta e tinha um boné branco. As armas usadas no crime foram uma pistola, PT 380, e um revólver, inox, calibre 38. O ataque aconteceu às 22 horas, quando o grupo jogava cartas na garagem da casa do dentista Reinaldo, considerado boa pessoa pelos vizinhos. Paulo Sérgio e os dois feridos devem prestar depoimentos ao delegado do 10º Distrito, Antônio Barros, responsável pela abertura de inquérito. Também será notificado pelo delegado o policial César, irmão do dentista. No Instituto Médico Legal Estácio de Lima, enquanto aguardava a liberação do cadáver de Reinaldo, César declarou à imprensa não ter a quem atribuir o crime, pois o irmão não tinha inimigos, nem se desentendido com ninguém, nos últimos meses. Era um homem sério e pacato.

Mais matérias
desta edição