app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Polícia

Vigia de 75 anos � morto por bandidos na Avenida Rotary

O vigia José Arlindo dos Santos, 75, que residia na Avenida Murilo Monteiro, no Barro Duro, foi assaltado na madrugada de quarta-feira em uma construção na Avenida Rotary, e morto a golpes de ferro e cacete por dois assaltantesque roubaram uma bombade á

Por | Edição do dia 19/04/2002 - Matéria atualizada em 19/04/2002 às 00h00

O vigia José Arlindo dos Santos, 75, que residia na Avenida Murilo Monteiro, no Barro Duro, foi assaltado na madrugada de quarta-feira em uma construção na Avenida Rotary, e morto a golpes de ferro e cacete por dois assaltantesque roubaram uma bombade água, uma motoserra e vários objetos que estavam estocados no depósito da construção. O cadáver foi trasladado para o Instituto Médico Legal (IML) Estácio de Lima. O latrocínio está sendo investigado pelo delegado Fernando Artur, do 4º Distrito Policial. A polícia informou que o vigia deve ter sido pego de surpresa e não teve condições de se defender. – Ainda não sabemos se a vítima usava algum tipo de arma. O dono da construção será chamado para fazer este esclarecimento. Temos informes de que durante a madrugada dois homens tiveram acesso a construção. Mas não temos ainda sua identificação -, afirmou um policial civil. No IML, para onde o cadáver de José Adriano dos Santos, foi conduzido, o clima entre os parentes era de muita revoltada. O vigia, que recebia salário mínimo, mantinha a família. No local do crime os policiais encontraram dois pedaços de madeira e um de ferro, usados na execução do trabalhador. O delegado que apura o caso salientou que o crime foi hediondo e que os autores serão localizados e capturados. – Sem dúvida, eles serão identificados e capturados -, garante Fernando Artur. O homicídio também está sendo investigado pelo delegado Valdir Silva de Carvalho, da Delegacia de Roubos e Furtos, que realiza diligências para prender os autores do homicídio.

Mais matérias
desta edição