app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Polícia

Pol�cia revela que “galera” matou viciado

O desempregado Jonatas dos Reis Cavalcante, 22, que residia no Vergel do Lago, foi assassinado por integrantes de uma “galera”. Foi o que informou, ontem, o chefe do Setor de Operações da Delegacia do 3º Distrito, Sandro Roberto, ressaltando que a vítima

Por | Edição do dia 23/04/2002 - Matéria atualizada em 23/04/2002 às 00h00

O desempregado Jonatas dos Reis Cavalcante, 22, que residia no Vergel do Lago, foi assassinado por integrantes de uma “galera”. Foi o que informou, ontem, o chefe do Setor de Operações da Delegacia do 3º Distrito, Sandro Roberto, ressaltando que a vítima tinha envolvimento com drogas. O crime está sendo investigado pelo delegado Manoel Wanderley Cavalcante. Jonatas foi executado a tiros de revólver, na noite da última sexta-feira, no Dique Estrada. O autor dos disparos conseguiu fugir sem ser identificado. No entanto, a polícia descobriu que a vítima estava em desentendimento com um grupo de traficantes, em razão de uma dívida. As testemunhas do crime começam a prestar depoimento, ainda esta semana. O pai da vítima, José Cícero Cavalcante, foi quem primeiro informou sobre o envolvimento do filho com traficantes do Dique Estrada. Ele confirmou que Jonatas era viciado em maconha e costumava andar com más companhias. Adiantou também que o filho saiu de casa como fazia toda noite, dizendo que ia se encontrar com amigos. Apesar da intriga ele não costumava andar armado, segundo o pai, que prometeu colaborar com as investigações da polícia. Inclusive, José Cícero deve ser convocado pelo delegado Wanderley para prestar depoimento no inquérito.

Mais matérias
desta edição