app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5714
Polícia

Roubos e Furtos tem novo delegado em Arapiraca

Sucursal Arapiraca – A Secretaria de Defesa Social (SDS) publicou, ontem, no Diário Oficial do Estado, portaria de nº 172/2002 que trata da exoneração do delegado Carlos Umberto Almeida do comando da Delegacia de Roubos e Furtos e Capturas de Arapiraca. O

Por | Edição do dia 24/04/2002 - Matéria atualizada em 24/04/2002 às 00h00

Sucursal Arapiraca – A Secretaria de Defesa Social (SDS) publicou, ontem, no Diário Oficial do Estado, portaria de nº 172/2002 que trata da exoneração do delegado Carlos Umberto Almeida do comando da Delegacia de Roubos e Furtos e Capturas de Arapiraca. O documento, assinado pelo procurador de Justiça Jerônymo Theobaldo de Lima, determina ainda a nomeação de seu substituto, o delegado Flávio Saraiva. “Não pedi para sair e estava obtendo bons resultados no combate às quadrilhas que infernizam a região. Estou surpreso, mas a mudança faz parte de nossa profissão”, afirmou o delegado. Surpresa Carlos Umberto de Almeida informou à GAZETA que só tomou conhecimento da portaria que determina sua exoneração do comando da Roubos e Furtos de Arapiraca ontem pela manhã. Mostrando-se surpreso, o delegado informou que não vinha sofrendo qualquer tipo de pressão para entregar o cargo e que também não pediu para sair de Arapiraca. “Recebi a notícia no momento em que saía para fazer um trabalho investigativo em bairros da cidade. Estou surpreso, mas cumprirei a determinação superior sem quaisquer problemas”, ressaltou. De acordo com a portaria publicada na edição de ontem do Diário Oficial, o novo delegado de Roubos e Furtos de Arapiraca será Flávio Saraiva. O delegado afirmou, ainda, que sua saída pode prejudicar inquéritos relativos à prisão de quadrilhas que agiam na região da grande Arapiraca, pois ele deve levar consigo parte de sua equipe, já adaptada à região e conhecedora dos “pontos críticos”. Durante os quatro meses em que esteve à frente da especializada, a equipe de Carlos Umberto desbaratou mais de 10 quadrilhas que agiam no Agreste.

Mais matérias
desta edição