app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Desempregado � morto pr�ximo a batalh�o da PM

Sucursal União dos Palmares  – O desempregado José Alexandre dos Santos, 52, foi executado com vários tiros, na madrugada de ontem, a cerca de 200 metros do  2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM), na Rua Juvenal Mendonça, em União dos Palmares. Segundo

Por | Edição do dia 24/04/2002 - Matéria atualizada em 24/04/2002 às 00h00

Sucursal União dos Palmares  – O desempregado José Alexandre dos Santos, 52, foi executado com vários tiros, na madrugada de ontem, a cerca de 200 metros do  2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM), na Rua Juvenal Mendonça, em União dos Palmares. Segundo os primeiros levantamentos realizados pela Polícia Civil, a vítima seguia para casa guiando uma bicicleta, quando foi surpreendida por três homens em duas motos, que efetuaram os disparos à queima-roupa, em via pública. Ainda de acordo com a polícia, Alexandre morreu no local e seu corpo trasladado pela manhã ao Instituto Médico Legal Estácio de Lima (IML) de Maceió para ser submetido à necropsia. O comandante do 2º BPM, major Mário Jorge Souza da Hora, informou que policiais militares foram até o local, instantes depois do crime, e isolaram a área. Ainda segundo o comandante, agentes da Polícia Civil chegaram logo em seguida e começaram a realizar os primeiros levantamentos. Já o delegado regional de União dos Palmares, Reginaldo Assunção, disse que ainda é cedo para afirmar que os assassinos usaram motos para cometer o crime. “Surgiram comentários de que motoqueiros assassinaram a vítima, mas vamos ouvir as testemunhas já arroladas para tentar esclarecer o homicídio”, declarou Assunção. De acordo com agentes da 3ª Delegacia Regional de Polícia (3ª DRP) de União, Alexandre dos Santos sofria de problemas mentais, conforme seus familiares e não possuía inimigos.

Mais matérias
desta edição