app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5712
Polícia

Novo delegado apura assalto em Japaratinga

O delegado de Japaratinga, Osvaldo Domingos, assumiu, ontem, as investigações do assalto, seguido de estupro e tentativa de homicídio, ocorrido, na noite do último domingo, no Sítio Salgado, naquele município, distante 128 quilômetros de Maceió. A proprie

Por | Edição do dia 01/05/2002 - Matéria atualizada em 01/05/2002 às 00h00

O delegado de Japaratinga, Osvaldo Domingos, assumiu, ontem, as investigações do assalto, seguido de estupro e tentativa de homicídio, ocorrido, na noite do último domingo, no Sítio Salgado, naquele município, distante 128 quilômetros de Maceió. A propriedade fica na divisa entre Japaratinga e Maragogi. As diligências iniciais do caso foram realizadas por policiais da equipe do delegado de Maragogi, Cícero Feitosa, que, inclusive, determinou a remoção da vítima J.M.S., de 10 anos, que foi estuprada, e de um dos assaltantes presos, Etevaldo Silva Ribeiro, para Maceió, onde o acusado foi medicado na Unidade de Emergência Armando Lages, visto que tinha sofrido um ferimento a bala quando tentava fugir do local do crime. O delegado Osvaldo Domingos ouviu o depoimento do vigia da propriedade José Sabino da Silva que confirmou ter sua residência sido atacada por seis bandidos, armados de facas e de revólveres. Segundo ele, os marginais queriam dinheiro e como não conseguiram uma quantia satisfatória realizaram um quebra-quebra dos móveis da casa e estupraram sua filha menor. O tio da menina, Francisco Isidoro dos Santos, tentou reagir e foi esfaqueado, estando internado num hospital, em Pernambuco. A polícia quer descobrir que os assaltantes são oriundos de Porto Calvo e está tentando identificá-los e prendê-los. Etevaldo deve ser reinterrogado.

Mais matérias
desta edição