app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Polícia

Bope apreende facas e espetos em opera��o no S�o Leonardo

O Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) realizou, na manhã de ontem, uma operação “pente fino” no Estabelecimento Prisional São Leonardo. Um grupo de aproximadamente 100 militares, fortemente armados e com cães adestrados, entrou no

Por | Edição do dia 08/05/2002 - Matéria atualizada em 08/05/2002 às 00h00

O Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar (Bope) realizou, na manhã de ontem, uma operação “pente fino” no Estabelecimento Prisional São Leonardo. Um grupo de aproximadamente 100 militares, fortemente armados e com cães adestrados, entrou no presídio, por volta de 6h15 da manhã, retirou os cerca de 400 presos das celas e realizou uma varredura em todo prédio, efetuando a apreensão de duas faca-peixeiras, dois punhais, várias facas de cozinhas, além de quase duas dezenas de instrumentos perfurantes, considerados “espetos” pelos militares do pelotão de elite da PM alagoana. O tenente-coronel Dário César Barros Cavalcante, que comanda o batalhão, informou que os policiais descobriram que os presos da cela 17 do raio inferior estavam começando um túnel com o propósito de fugir do presídio. “Eles tinham arrancado azulejos e começado a cavar a parede”, explicou o oficial superior da Polícia Militar. O diretor do São Leonardo, jornalista Deraldo Francisco, foi informado da ocorrência e já começou a investigar o caso. Os militares encontraram também um punhal, de fabricação caseira, dentro de um aparelho de televisão e uma faca-peixeira enterrada num vaso dentro de uma das celas. Objetos que poderiam ser usados para perfurar e cortar foram recolhidos pelo policiais e encheram quatro sacos plásticos, que foram recolhidos pelos soldados do Bope. O diretor Deraldo Francisco considerou que a revista transcorreu em clima de tranqüilidade e elogiou o trabalho da polícia. A operação já estava definida, desde a semana passada, e serve para inibir a violência dentro dos presídios.

Mais matérias
desta edição