app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Polícia

Namorada de estudante dep�e sobre morte

| CARLA SERQUEIRA Repórter Acompanhado da namorada, a menor W.B.L, 17 anos, o estudante universitário Augusto Matheus Gomes Ferreira, 24 anos, foi assassinado, por volta das 4h desse domingo, dia 26, quando deixava o Clube da Ordem dos Advogados do Bras

Por | Edição do dia 28/03/2006 - Matéria atualizada em 28/03/2006 às 00h00

| CARLA SERQUEIRA Repórter Acompanhado da namorada, a menor W.B.L, 17 anos, o estudante universitário Augusto Matheus Gomes Ferreira, 24 anos, foi assassinado, por volta das 4h desse domingo, dia 26, quando deixava o Clube da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Jacarecica, após assistir ao show da banda baiana Harmonia do Samba. O casal, de acordo com levantamentos feitos pela polícia, teria discutido na festa e resolvido conversar na praia. “É muito perigoso. Naquela região, cheia de coqueirais, é normal ter assaltos”, afirmou o delegado Valdir de Carvalho, que apura o caso. Segundo ele, o pai da garota, o sargento da Polícia Militar José Remis Salustiano de Lima, explicou que o namorado de sua filha, após conversar com ela, teria resolvido ir embora sozinho. Dois amigos do casal acompanharam o movimento a distância. “O rapaz se desentendeu com a moça e queria ir embora. Ela não deixou e avisou que havia um homem estranho mais adiante”, contou o delegado, ao informar que notificou a menor para depor ontem. “O pai dela me ligou dizendo que a garota ainda não tinha condições psicológicas para relatar o fato”, disse Valdir de Carvalho. “A versão dela, repassada a mim, por telefone, pelo pai, é de que o homem suspeito na areia da praia atacou o casal pedindo os telefones celulares. Depois tentou amarrar os braços do rapaz num coqueiro. Ele teria reagido, talvez porque o homem falasse em estuprar sua namorada, e acabou sendo baleado”, disse o delegado, sem saber detalhes do ocorrido. O estudante teria sido assassinado com três tiros. Na manhã de hoje, o delegado Valdir de Carvalho vai ouvir o pai da vítima, o empresário Célio Higino Ferreira. O corpo do jovem, segundo populares, foi recolhido de um coqueiral, próximo ao clube da OAB, ainda de madrugada. Augusto Matheus foi sepultado no domingo à tarde, na cidade de Penedo. O depoimento de W.B.L. foi remarcado para hoje, às 18h, na Delegacia de Plantão III, em Jaraguá, onde o delegado vai ouvir também os amigos do casal que acompanharam de longe a movimentação dos namorados. “Só depois de ouvi-los poderei saber o que houve. Se foi assalto, será investigado pela Delegacia de Roubos e Furtos. Se ficar comprovada a tentativa de estupro e o homicídio, eu quem vou apurar”, disse Valdir de Carvalho.

Mais matérias
desta edição