app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Polícia

Acusados de seq�estros dep�em a juiz

| Severino Carvalho Repórter Maragogi – Duas audiências de qualificação e interrogatório movimentaram ontem os fóruns das comarcas de Passo do Camaragibe e de Maragogi no Litoral Norte de Alagoas. Os réus respondem por crime de seqüestro e extorsão medi

Por | Edição do dia 20/12/2006 - Matéria atualizada em 20/12/2006 às 00h00

| Severino Carvalho Repórter Maragogi – Duas audiências de qualificação e interrogatório movimentaram ontem os fóruns das comarcas de Passo do Camaragibe e de Maragogi no Litoral Norte de Alagoas. Os réus respondem por crime de seqüestro e extorsão mediante seqüestro. Neste município, o juiz André Gêda ouviu cinco pessoas acusadas de integrar a quadrilha que seqüestrou, em outubro, a menina Maria Luiza Pereira, a “Malu”. Em Passo, o magistrado Sóstenes Alex, do Núcleo de Combate ao Crime Organizado (NCCO), interrogou Marcos Antônio Alves de Lima, 30, o “Marcos Capeta” e o comparsa dele, Luiz Ribeiro de Souza, 33, o “Cabeça”. ### Professor Buarque mantém silêncio Denunciados pelo Ministério Público (MP) pelos crimes de extorsão mediante seqüestro, formação de quadrilha e resistência à prisão, cinco pessoas acusadas de integrar a quadrilha que seqüestrou a menina Malu foram ouvidas ontem pelo juiz André Gêda em Maragogi. De acordo com a denúncia do MP, o bando foi chefiado por José Joaquim Sarmento Lins, o “Cow”, morto numa troca de tiros com a polícia no dia 17 de outubro. ///

Mais matérias
desta edição