app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5718
Política

Pesquisa demonstra que pode acontecer 2� turno

Se a eleição fosse hoje, haveria segundo turno, que seria disputado pelos candidatos Luiz Inácio Lula da Silva e José Serra, segundo a pesquisa CNI/Ibope divulgada ontem. “Haveria segundo turno por larga margem, pois a soma dos votos para todos os candida

Por | Edição do dia 21/09/2002 - Matéria atualizada em 21/09/2002 às 00h00

Se a eleição fosse hoje, haveria segundo turno, que seria disputado pelos candidatos Luiz Inácio Lula da Silva e José Serra, segundo a pesquisa CNI/Ibope divulgada ontem. “Haveria segundo turno por larga margem, pois a soma dos votos para todos os candidatos supera o percentual de Lula em oito pontos”, disse o consultor político da CNI, Ney Figueiredo. Segundo ele, a oscilação de Lula na pesquisa de 41% para 39% não beneficiou diretamente o candidato José Serra. “Os votos de Lula foram para Garotinho e para Ciro”. Segundo a pesquisa, Serra se manteve com 19%, enquanto Ciro Gomes e Anthony Garotinho oscilaram positivamente de 12 para 14% e de 13% para 14%, respectivamente. Rejeição de FHC A pesquisa mostra que o percentual de aprovação do governo do presidente Fernando Henrique Cardoso caiu em todas as simulações em relação à última amostragem do instituto. A avaliação classificada como ótima ou boa caiu de 29% para 24%; a regular recuou de 41% para 37% e o número de eleitores que consideram o governo FHC ruim ou péssimo subiu de 29% para 36%. O grau de aprovação ao governo também caiu, passando de 43% para 34%. O percentual de desaprovação subiu de 48% para 58% e o nível de confiança da população no governo recuou de 39% para 33%. O percentual dos que não confiam no governo foi de 53% para 61%.

Mais matérias
desta edição