app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política

AL tem mais de 250 mil eleitores analfabetos

Até dezembro de 2013, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE) contabilizou um total de 252.155 eleitores analfabetos no estado, o que corresponde a 13,01% dos quase 2 milhões de cidadãos aptos a votar em Alagoas. O número já considerado elevado é

Por | Edição do dia 26/08/2014 - Matéria atualizada em 26/08/2014 às 00h00

Até dezembro de 2013, o Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE) contabilizou um total de 252.155 eleitores analfabetos no estado, o que corresponde a 13,01% dos quase 2 milhões de cidadãos aptos a votar em Alagoas. O número já considerado elevado é ainda mais preocupante quando somado às outras três maiores categorias de grau de instrução dos eleitores: Ensino Fundamental incompleto (531.787), Ensino Médio completo (335.697) e que somente lê e escreve (315.543). Neste cenário, a junção das quatro categorias corresponde a mais da metade do eleitorado alagoano. Ou seja, quase um milhão e meio das pessoas que vão às urnas no dia 5 de outubro deste ano em Alagoas não conseguiu avançar além do Ensino Médio. Ainda de acordo com números do TRE, eleitores que declararam ter Ensino Superior completo ou Ensino Superior incompleto correspondem a 10,1% do eleitorado, com 196.924 cidadãos aptos a votar. VULNERABILIDADE O G1 entrevistou um integrante dessa parcela que é ajudante de pedreiro e não sabe ler nem escrever. Ele preferiu não se identificar, mas disse à reportagem que vai às urnas para escolher os representantes do estado nas eleições em outubro. “O voto é importante por causa da democracia. Se tem democracia, então a gente tem direito de votar e escolher o que a gente quer. Eu escolho os candidatos pela proposta de cada um. Vou analisando a partir do guia eleitoral e voto naquele que mais me identifico”, diz o trabalhador que, para ir às urnas leva uma “cola” com os números dos candidatos escolhidos anotados.

Mais matérias
desta edição