app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5731
Política

Casal nega colapso em sistema

Acusada de não ter feito investimentos necessários para a coleta e tratamento de esgoto, provocando colapso do sistema em Maceió, a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), se pronunciou, ontem, sobre o assunto, por meio de nota técnica. Em entrevista

Por | Edição do dia 06/06/2015 - Matéria atualizada em 06/06/2015 às 00h00

Acusada de não ter feito investimentos necessários para a coleta e tratamento de esgoto, provocando colapso do sistema em Maceió, a Companhia de Saneamento de Alagoas (Casal), se pronunciou, ontem, sobre o assunto, por meio de nota técnica. Em entrevista ao programa Ministério do Povo, da Rádio Gazeta, o secretário municipal de Proteção ao Meio Ambiente, David Maia, responsabilizou a Casal pelas ligações clandestinas de esgoto na capital alagoana. Entretanto, a Casal nega haver um colapso no sistema de esgotamento sanitário. Isto porque, segundo a empresa, todas as redes destinadas à coleta estão funcionando. De acordo com a Casal, o que está ocorrendo é um estrangulamento do coletor-tronco entre as estações elevatórias da Praça Lyons, na Pajuçara, e da Praça 13 de Maio, no bairro do Poço. Conforme a nota encaminhada pela empresa, o problema vem sendo enfrentado pela administração, que já tem planos para a expansão da cobertura da rede coletora. Isso será viabilizado por meio de uma parceria entre Estado e governo federal que contará com investimento aproximado de R$ 50 milhões em obras de esgotamento sanitário na bacia da Pajuçara. Do valor previsto, pelo menos R$ 8 milhões serão gastos para garantir a interligação (linha expressa) entre as estações do Poço e Pajuçara. A obra é considerada estratégica para garantir a coleta de esgoto da parte baixa da cidade até o emissário submarino, no Trapiche. A obra, que ainda não tem prazo para ser iniciada, já estaria em fase de licitação por parte da Secretaria Estadual de Infraestrutura, ainda este mês, entretanto o processo só se encerrará em agosto.

Mais matérias
desta edição