app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5729
Política

Sefaz arrecada mais de R$ 3,6 mi com imposto

A Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) abriu ‘guerra’ para cobrar o ITCD, imposto que atinge principalmente os contribuintes mais ricos e poderosos do Estado. O imposto deve ser pago sobre doações de dinheiro ou bens, mas era ‘ignorado’ no Estado por fa

Por | Edição do dia 04/07/2015 - Matéria atualizada em 04/07/2015 às 00h00

A Secretaria Estadual da Fazenda (Sefaz) abriu ‘guerra’ para cobrar o ITCD, imposto que atinge principalmente os contribuintes mais ricos e poderosos do Estado. O imposto deve ser pago sobre doações de dinheiro ou bens, mas era ‘ignorado’ no Estado por falta de fiscalização. Em todo o ano 2014 a receita com o ITCD chegou a apenas R$ 5,3 milhões. Depois que começou a notificar contribuintes em atraso, a Sefaz recebeu, apenas no mês de junho, R$ 3,6 milhões relativos ao imposto. A cobrança começou a ser feita após levantamento realizado nas declarações de Imposto de Renda realizadas entre 2010 e 2013 em Alagoas. A Sefaz encontrou valores sonegados que chegam a R$ 34 milhões e começou a cobrar o imposto.

Mais matérias
desta edição