app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5730
Política

Rui quer autoriza��o para armar Guarda Municipal

Os guardas civis municipais de Maceió podem passar a andar armados em breve. Além de proteger o patrimônio público do município, os profissionais também podem ajudar as forças de segurança do Estado - Polícias Civil e Militar - a combater a violência na c

Por | Edição do dia 14/07/2015 - Matéria atualizada em 14/07/2015 às 00h00

Os guardas civis municipais de Maceió podem passar a andar armados em breve. Além de proteger o patrimônio público do município, os profissionais também podem ajudar as forças de segurança do Estado - Polícias Civil e Militar - a combater a violência na capital. A informação foi divulgada ontem pelo próprio prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), durante a solenidade de entrega de novas viaturas à Guarda Municipal. Segundo Rui, a Prefeitura aguarda apenas uma resposta da Polícia Federal sobre a autorização para a categoria portar arma de fogo em serviço. Diante dos inúmeros casos de violência, Rui Palmeira destacou a necessidade de os guardas municipais terem o porte de arma para garantir a segurança deles e da população enquanto estiverem trabalhando nas ruas. “Maceió é uma cidade violenta e fizemos o pedido [à PF] para que a Guarda Municipal tenha acesso às armas de fogo, já que hoje eles só usam armas não letais. Assim que for autorizado vamos providenciar esses equipamentos para os homens e mulheres que arriscam suas vidas em serviço”, disse. Em julho do ano passado, o Congresso Nacional aprovou um projeto de lei que autoriza os guardas municipais a trabalharem armados. Em Maceió, a medida ainda não foi adotada. De acordo o prefeito, inicialmente o processo foi enviado à PF em 2013, mas precisou passar por adequações. Até o momento, não há nenhum posicionamento da Polícia Federal sobre o assunto.

Mais matérias
desta edição