app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política No total, serão entregues à população 2 milhões de litros de água por dia já em março

DISTRIBUIÇÃO DE ÁGUA NOS MUNICÍPIOS SERÁ RETOMADA EM MARÇO

Governo federal reconhece emergência em Alagoas e Defesa Civil Estadual já pode dar início a Operação Água é Vida no interior

Por regina carvalho | Edição do dia 28/02/2020 - Matéria atualizada em 28/02/2020 às 06h00

A Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil – órgão do Ministério do Desenvolvimento Regional – publicou portaria reconhecendo a situação de emergência em decorrência da estiagem em 42 dos 102 municípios alagoanos, a maioria deles no Sertão e Agreste. A distribuição deve beneficiar, diretamente, cerca de 300 mil pessoas que sofrem com a escassez de água. Com a liberação de parte dos recursos federais, a previsão da Defesa Civil Estadual é que em março comece a distribuição de água para os municípios, que contam ainda com o apoio do Exército e das prefeituras. “O Exército continua com a operação e o estado recebeu recurso federal e agora no mês de março iremos iniciar a operação. Já houve reconhecimento da situação por parte do governo federal, agora é esperar o fim da parte burocrática para começar a contratar os caminhões”, explicou o coordenador da Defesa Civil Estadual, Moisés Melo. “Serão contratados 120 caminhões, após licitação, monitorados para evitar desvio de água e outros problemas. O Exército tem essa operação o ano inteiro e a Defesa Civil só entra quando há emergência. A operação beneficia 300 mil pessoas, já está na conta R$ 5,4 milhões e foram empenhados R$ 10, 8 milhões. O recurso é suficiente para atender as famílias até o fim do ano. O nosso trabalho é um complemento porque quando intensifica o verão se faz necessário mais água, porque aumenta o consumo”, acrescenta o coordenador. Segundo a Associação dos Municípios Alagoanos (AMA), o reconhecimento é fundamental para a manutenção da Operação Pipa, executada pelo Exército e para a operacionalização da Operação Água é Vida, da Defesa Civil Estadual. A portaria – decreto nº 68.824, de 13 de janeiro de 2020 – foi assinada pelo secretário nacional de Proteção e Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves. No início do ano a presidente da AMA, a prefeita Pauline Pereira se reuniu com o coordenador da Defesa Civil, coronel Moisés Melo, para cobrar o início da operação antes do carnaval, o que não foi possível devido a necessidade do reconhecimento federal, agora liberado. “No total, serão entregues à população 2 milhões de litros de água por dia. São cerca de 20 litros por dia para cada pessoa. Os caminhões pipas levam de 200 a 300 litros, onde parte é destinada também ao consumo animal”, informa texto publicado no portal da AMA.

Mais matérias
desta edição