app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política

JHC LIGA CONTINUÍSMO DOS CALHEIROS E DE RUI A ALFREDO GASPAR

Guia eleitoral no rádio e na TV recomeça seguindo a linha registrada na reta final do primeiro turno, com críticas mútuas

Por Jamylle Bezerra | Edição do dia 23/11/2020 - Matéria atualizada em 23/11/2020 às 09h19

No retorno do guia eleitoral, JHC quis saber se o maceioense está satisfeito com os serviços oferecidos na capital
Alfredo Gaspar começou o guia eleitoral atacando o adversário JHC

O horário eleitoral gratuito foi retomado na sexta-feira (20) em Maceió, trazendo os dois candidatos que disputam o segundo turno das eleições municipais: JHC (PSB), que propõe mudanças para a capital, e Alfredo Gaspar de Mendonça (MDB), candidato dos Calheiros e do atual prefeito Rui Palmeira. Na ocasião, os postulantes ao cargo de prefeito agradeceram pelos votos que os levaram ao segundo turno e disseram o porquê de serem a melhor opção para gerir a capital alagoana. De um lado, o continuísmo e, do outro, a mudança. Logo de cara, JHC quis saber se o maceioense está satisfeito com os serviços oferecidos na capital, como a merenda nas escolas e os atendimentos na área da saúde, por exemplo. “Se você acha que está tudo funcionando em Maceió, é só votar no Alfredo Gaspar, candidato do prefeito Rui Palmeira. Agora, se você respondeu não, se não está satisfeito com o governo desse Rui Palmeira aí, então tá na hora de conhecer melhor um cara que tem independência para mudar Maceió. Esse cara é o JHC”, diz o narrador. Em sua aparição, JHC agradeceu pelos votos de mais de 109 mil pessoas que, no primeiro turno, “acreditaram na mudança” e saíram de casa para votar em um ano tão difícil. Ele também aproveitou para pedir o voto daqueles que votaram em outros candidatos que não estão no segundo turno do pleito. “Quero começar o segundo turno dizendo muito obrigado. Obrigado às 109 mil pessoas que acreditam na mudança. Tô aqui graças à sua vontade de mudar Maceió. Se você votou em outro candidato, peço sua atenção, pois eu estou preparado”, disse o candidato, que também aproveitou o momento para expor o próprio currículo e falar do combate à corrupção na época em que era deputado estadual.

JHC citou o Dia da Consciência Negra e disse que, se Zumbi estivesse vivo, provavelmente a luta dele seria em uma grota, onde a população sabe bem o que é resistência. “Aqui, a saúde quase não chega, creche sequer existe e saneamento básico é um sonho distante. Você acha que dá para continuar desse jeito? Claro que não, né? É por isso que eu defendo a mudança, porque se não muda, fica tudo como tá”, diz o candidato.

“Não adianta ficar com quem tem o rabo preso com os Calheiros. Tem que votar no 40 para fazer a renovação que Maceió precisa”, diz eleitor de JHC. No guia, o candidato mostrou ainda a difícil situação em que vivem os moradores da orla lagunar, no Vergel do Lago, que já foram alvos de várias promessas. Um vídeo em que o prefeito Rui Palmeira promete revitalizar o local, por meio do Programa Maceió de Frente pra Lagoa, foi exibido para a população, que fez questão de dizer que nada mudou nos últimos anos e que tudo não passou de promessa. “No Vergel, a mudança é pra ontem. Não dá mais pra esperar e nem pra acreditar nas promessas do candidato do prefeito Rui Palmeira”, dizia o narrador, enquanto a população dizia que “até agora, nada”, investimento nenhum. “Que Maceió tem que mudar, todo mundo sabe. A questão é: como se dá essa mudança? Com certeza, não dá para ser com o cara que representa a continuação do prefeito Rui Palmeira. Para mim, é questão de postura. O prefeito tem que estar perto das pessoas, andando pela cidade inteira,. conhecendo os problemas e trazendo as soluções. Vou criar o ‘Prefeitura no Bairro’ e cada região de Maceió vai ter a sua e a população vai ter um canal direto comigo. Com a Prefeitura no Bairro, os investimentos vão chegar onde mais precisa e Maceió vai mudar para melhor”, falou JHC.

Mais matérias
desta edição