app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5691
Política

Executiva do PSB discute crises internas

A crise envolvendo o governador Ronaldo Lessa e o presidente do partido, deputado Miguel Arraes, será um dos temas da reunião da Executiva Estadual na próxima terça-feira. Além deste assunto, também entrará em pauta a escolha do pré-candidato do partido à

Por | Edição do dia 31/01/2004 - Matéria atualizada em 31/01/2004 às 00h00

A crise envolvendo o governador Ronaldo Lessa e o presidente do partido, deputado Miguel Arraes, será um dos temas da reunião da Executiva Estadual na próxima terça-feira. Além deste assunto, também entrará em pauta a escolha do pré-candidato do partido à sucessão de Kátia Born. Neste contexto, não escapará da discussão a “falha” da Executiva Municipal que não incluiu o nome do vice-prefeito Alberto Sexta-Feira na lista enviada oficialmente ao Tribunal Regional Eleitoral. O governador esteve na semana passada na posse do ministro da Ciência e Tecnologia, deputado Eduardo Campos. O encontro dos dois foi interpretado como um sinal de “trégua” para as discussões que começaram no Congresso Nacional do partido. Segundo o próprio governador, sua candidatura à presidência foi “atropelada por uma manobra” do avô do ministro Miguel Arraes. Esforços O partido vem fazendo todos os esforços para que os quatro: Sexta-Feira, Givaldo Carimbão (deputado federal), Maurício Quintella (secretário das regiões metroplitanas) e Marcos Vieira (vereador). Mas, segundo integrantes da executiva, pesa o fato da Justiça Eleitoral não ter definido ainda qual a posição diante da defesa encaminhada pelo vice-prefeito à Justiça. Sexta também aguarda com expectativa o resultado. Segundo o presidente do Diretório Estadual, Jurandir Bóia, o partido pretende usar como referência para a escolha o resultado das pesquisas que serão encomendadas. “Obedeceremos o critério qualitativo e quantitativo”, sustentou. (MR)

Mais matérias
desta edição