app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política

PEDIATRA MILTON HÊNIO ANUNCIA APOSENTADORIA

Milton Hênio Netto de Gouveia, um dos mais renomados pediatras alagoanos, anunciou, em artigo publicado no jornal Gazeta de Alagoas, o encerramento da carreira médica. Intitulado como “Envelhecendo e Vivendo”, o pediatra relatou no artigo que, em função d

Por MAURÍCIO SANTANA E MANUELLA RITHAYNE | Edição do dia 18/05/2021 - Matéria atualizada em 18/05/2021 às 04h00

Milton Hênio Netto de Gouveia, um dos mais renomados pediatras alagoanos, anunciou, em artigo publicado no jornal Gazeta de Alagoas, o encerramento da carreira médica. Intitulado como “Envelhecendo e Vivendo”, o pediatra relatou no artigo que, em função da pandemia da Covid-19, resolveu se afastar do seu exercício antes de completar os 60 anos de profissão, como ele tinha planejado, para desfrutar de sua velhice ao lado se seus entes queridos. O pediatra alagoano entrou na Gazeta a convite de Arnon de Mello e começou a escrever artigos semanais. Em nome da Sociedade Alagoana de Medicina, Milton convidou Arnon para dar uma palestras. Desde então, ele permaneceu na Gazeta por todos os laços de afeto criados. Milton foi convidado pelo senador Fernando Collor para fazer parte do Conselho Estratégico da Organização Arnon de Mello, posição que ocupa até hoje. Apesar de ter fechado o consultório, ele se dispõe a realizar orientações pelo telefone de cerca de 15 a 20 pessoas diariamente. Na época de estudante, ele saía de manhã em uma ambulância sem ter chamado nenhum, com propósito único de atender pessoas que estavam nas ruas. Ele é um dos criadores da Apae e passou 30 anos atendendo sem ganhar nada além de gratidão, além de ter atendido diversas crianças com lesões cerebrais. “Naquele tempo não tinha SUS [Sistema Único de Saúde], a gente tratava era os indigentes, que era quem não tinha plano de saúde”, relembrou Milton Hênio, que se formou em 15 de novembro de 1962. Sua neta Larissa Gouveia, sua sucessora na medicina pediátrica, prestou homenagem ao avô nas redes sociais, citando o avô pelos 58 anos de contribuição à sociedade alagoana.

Mais matérias
desta edição