app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política Patrícia Mourão já ocupou o mesmo cargo na época em que Kátia Born era prefeita da capital alagoana

PREFEITO ANUNCIA PATRÍCIA MOURÃO COMO NOVA SECRETÁRIA DE TURISMO

Ela assume a pasta no lugar de Ricardo Santa Ritta, exonerado após postagem no Twitter sobre o nazismo

Por Da Redação | Edição do dia 23/06/2021 - Matéria atualizada em 23/06/2021 às 04h00

O prefeito JHC (PSD) informou, por meio das redes sociais, o nome da nova secretária Municipal de Turismo, Esporte e Lazer de Maceió. Trata-se de Patrícia Mourão, que já ocupou o mesmo cargo na época em que Kátia Born era prefeita da capital alagoana. No comunicado, JHC citou a experiência de Mourão e deu as boas-vindas à nova secretária. “Comunico que Patrícia Mourão assume a Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer. Com vasta experiência, tem relevantes serviços prestados ao setor, tendo exercido diversos cargos públicos em Alagoas. Bem-vinda ao #TimeMCZ”, disse JHC na postagem. Patrícia Mourão assume a pasta após a saída de Ricardo Santa Ritta, que perdeu o cargo depois de fazer um comentário no Twitter associando o uso da suástica (símbolo nazista) à liberdade de expressão. O assunto ganhou repercussão nacional e recebeu inúmeras críticas, culminando com a exoneração dele do cargo de secretário. O presidente nacional do Partido Democrático Trabalhista (PDT), ex-ministro Carlos Lupi, chegou a anunciar, por meio de sua conta no Twitter, que o agora ex-secretário de Turismo de Maceió, Ricardo Santa Ritta, será expulso do partido, após polêmica envolvendo o uso da suástica [símbolo nazista]. Em nota oficial publicada momentos após o anúncio feito por Lupi, o partido considerou incoerente manter Ricardo Santa Ritta entre os seus filiados, diante de uma postura que não condiz com os princípios partidários da legenda. “Tomamos conhecimento das críticas feitas pelo, até então, secretário, à Lei Federal 7.716 de 1989 (Crime de Divulgação do Nazismo) em suas redes sociais. E, considerando a construção histórica do partido, fica incoerente manter a sua filiação. Por isso, Ricardo Santa Ritta será afastado preventivamente”, diz trecho do comunicado emitido pelo partido. “Estamos em 2021 e não podemos permitir ou compactuar com qualquer ser que reivindique o direito de expressar seu apoio ao nazismo, principalmente, um gestor público”, completa a nota, assinada pelo presidente estadual do PDT, Jurandir Boia, após reunião da executiva.

ENTENDA O CASO

Ricardo Santa Ritta foi ao Twitter, na noite de quinta-feira passada (18), comentar o fato de um jovem ter sido expulso de um shopping de Caruaru (PE) por estar usando uma suástica no braço. Na ocasião, o então gestor disse que não sabia que tratava-se de um crime no Brasil fazer uso de tal símbolo e que achou que “a liberdade de expressão permitisse”. A postagem repercutiu rapidamente nas redes sociais e o assuntou tornou-se um dos mais falados do Twitter. No dia seguinte, a Prefeitura de Maceió comunicou o desligamento dele do cargo.

Mais matérias
desta edição