app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 0
Política

PDT sustenta pr�-candidatura em Macei�

A pré-candidatura do deputado Cícero Almeida (PDT) é “irreversível”. Foi que afirmou ontem o presidente estadual do PDT, Geraldo Sampaio, ao negar que seu partido esteja para retirar a pré-candidatura para facilitar um projeto de composição das forças d

Por | Edição do dia 21/04/2004 - Matéria atualizada em 21/04/2004 às 00h00

A pré-candidatura do deputado Cícero Almeida (PDT) é “irreversível”. Foi que afirmou ontem o presidente estadual do PDT, Geraldo Sampaio, ao negar que seu partido esteja para retirar a pré-candidatura para facilitar um projeto de composição das forças de centro-esquerda. “A nossa pré-candidatura na capital nasceu nas ruas, nas comunidades e hoje é líder absoluta das pesquisas informais. Seria uma incoerência política retirar a nossa pré-candidatura”, sustenta. Geraldo Sampaio revelou, porém, que está conversando com os partidos de centro-esquerda em busca de um nome para compor a chapa como vice. Além de Maceió, o PDT trabalha para eleger prefeitos em cidades estratégicas. Em Delmiro Gouveia, o partido apresenta o pré-candidato Marcelo Lima e aposta na aliança com o PSB ou com o PT. Em Atalaia, trabalha para a reeleição de seu prefeito José do Pedrinho. Em São Luiz do Quitunde, acredita na pré-candidatura de Cícero Cavalcante, que deixou o PMDB e se filiou ao PDT. Em Palmeira dos Índios, terra natal e base política de Sampaio, o partido não apresenta candidato e está conversando com os pré-candidatos locais para definir uma política de alianças. Sampaio anunciou que a partir de maio começa a percorrer o Estado para discutir projeto de alianças e fortalecer candidaturas de centro-esquerda. Na capital, o partido começou a discutir com o pré-candidato o programa de governo dos setores essenciais: educação, saúde e habitação popular. (AF)

Mais matérias
desta edição