app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5752
Política

APÓS ACUSAÇÃO DE INTERFERÊNCIA, DELEGADOS SAEM EM DEFESA DE XAVIER: ‘ILAÇÕES DESONESTAS’ ANNA CLÁUDIA ALMEIDA REPÓRTER Grande parte dos delegados de Polícia Civil de Alagoas compareceu, na sexta-feira (14), à Delegacia Geral para prestar apoio ao Delegado-Geral Gustavo Xavier, diante das acusações da Delegada da Polícia Federal Mariana Cavalcante, induzindo que Dantas interferiu, por meio do delegado-geral, na investigação que culminou no afastamento do governador. Em nota encaminhada à imprensa

Grande parte dos delegados de Polícia Civil de Alagoas compareceu, na sexta-feira (14), à Delegacia Geral para prestar apoio ao Delegado-Geral Gustavo Xavier, diante das acusações da Delegada da Polícia Federal Mariana Cavalcante, induzindo que Dantas int

Por ANNA CLÁUDIA ALMEIDA | Edição do dia 15/10/2022 - Matéria atualizada em 15/10/2022 às 04h00

Grande parte dos delegados de Polícia Civil de Alagoas compareceu, na sexta-feira (14), à Delegacia Geral para prestar apoio ao Delegado-Geral Gustavo Xavier, diante das acusações da Delegada da Polícia Federal Mariana Cavalcante, induzindo que Dantas interferiu, por meio do delegado-geral, na investigação que culminou no afastamento do governador.

Em nota encaminhada à imprensa, os delegados afirmam que a verdade precisa ser reestabelecida. “As ilações desonestas da Delegada Federal tentaram manchar a reputação da Polícia Civil e seu dirigente máximo, todavia sua narrativa vil já foi devidamente rechaçada por uma prova inconteste: a conversa no WhatsApp entre a Delegada e o Delegado Gustavo Xavier”. Com isso, os Delegados da PC/AL reforçam seu apoio ao Delegado-Geral e asseguram que a Polícia Civil é órgão de Estado, autônomo e que continuará lutando pelo combate a todo e qualquer tipo de crime.

CONFIRA A ÍNTEGRA DA NOTA:

Diante das acusações falaciosas da Delegada Federal Mariana Cavalcante, nesta sexta-feira, grande parte dos Delegados de Polícia Civil compareceu na Delegacia Geral a fim de prestar apoio ao Delegado-Geral Gustavo Xavier. A verdade precisa ser reestabelecida. As ilações desonestas da Delegada Federal tentaram manchar a reputação da Polícia Civil e seu dirigente máximo, todavia sua narrativa vil já foi devidamente rechaçada por uma prova inconteste: a conversa no WhatsApp entre a Delegada e o Delegado Gustavo Xavier.

Neste interim, os Delegados da PC/Al reforçam seu apoio ao Delegado-Geral e asseguram que a Polícia Civil é órgão de Estado, autônomo e que continuará lutando pelo combate a todo e qualquer tipo de crime.

Mais matérias
desta edição