app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Política

Paulo anuncia secretariado com 14 mulheres e 12 homens

Durante live ontem à noite, governador revelou nomes que vão ocupar o primeiro escalão de sua gestão

Por Marcos Rodrigues | Edição do dia 20/12/2022 - Matéria atualizada em 20/12/2022 às 06h38

Por meio de uma live nas redes sociais diretamente do Palácio República dos Palmares, o governador Paulo Dantas (MDB) anunciou seu secretariado ontem. Como havia prometido durante sua campanha, as mulheres continuam tendo espaço importante no primeiro escalão com funções relevantes. Elas estarão em 14 pastas, enquanto os homens ocuparão 12 postos estratégicos. As secretarias de Ciência e Tecnologia e a Controladoria Geral do Estado permanecem sem a indicação dos futuros titulares. “Aqui está o nosso time que vai tocar os projetos nos próximos quatro anos. As mulheres terão protagonismo no nosso governo. Elas serão maioria. Como disse em minha diplomação: quanto mais mulheres na política, mais política para as mulheres. Na ALE temos a maior bancada da história, são seis muito competentes”, iniciou o governador antes do anúncio. Conforme explicou, três novas pastas foram criadas: a Secretaria de Governo, a de Turismo e a da Pessoa com Deficiência. Segundo Dantas a equipe de transição fez um excelente trabalho para que as pastas funcionem com eficiência e devidamente restruturadas. “São eles que vão tocar todas as estratégicas. Estamos fazendo uma reestruturação e cortando tudo com cuidado para que Alagoas tenha eficiência e capacidade de investimento para tocarmos nossas obras”, disse Dantas. Com o anúncio da sua prima, a deputada estadual Carla Dantas (MDB), para a Secretaria Estadual de Agricultura, o deputado estadual Galba Novaes (MDB), primeiro suplente da coligação, assumirá a cadeira e permanece no parlamento. Ao justificara a nomeação, ele explicou que a escolha tem muita relevância, pois caberá à nova secretária conduzir o próximo concurso para a pasta, assim como o novo Programa do Leite, que será reestruturado. A futura gestão também contará com uma Secretaria Executiva de Agricultura Familiar. “Essa foi uma questão discutida em nossa campanha, pois considero fundamental para o governo de Alagoas”, disse Paulo. O anúncio também garantiu acomodações importantes como o ex-prefeito e ex-candidato a governador Rui Palmeira (PSD), que ocupará a Secretaria de Infraestrutura. Seu candidato a vice, Arthur Albuquerque, também foi acolhido e ocupará a Secretaria do Trabalho, função que já havia desempenhado no governo de Renan Filho. Assim como naquele período, a escolha de seu nome é fruto do apoio do pai, o deputado estadual Antônio Albuquerque (Republicanos), no 2° turno das eleições. O PC do B mantém o espaço que já tinha no governo na Secretaria Estadual do Esporte, com o nome de Ângela Maria. Já o PT terá duas secretarias. O arquiteto Gino César está mantido na Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), e a Secretaria de Direitos Humanos será ocupada pela indígena Maria José. O PDT do vice- Ronaldo Lessa - terá destaque com a nomeação da ex-prefeita de Maceió Kátia Born. Odontóloga de formação, ela teve papel importante na campanha de Dantas ao lado da esposa do governador, Marina Dantas, no contato direto com as comunidades carentes da capital e interior. De acordo com o governador, ela tocará programas estratégicos para o governo, como o Cria, Cras e o Pacto contra a Fome. Será fundamental no combate à pobreza e à vulnerabilidade alimentar que ainda predominam entre parcela significativa da população. Outro compromisso assumido em campanha e honrado por Dantas foi o desmembramento do Turismo, que deixa o Desenvolvimento Econômico e será comandada por Bárbara Braga. Ela foi uma indicação do Trade Turístico e deixará a chefia de Gabinete do Governo do Estado.

Veja abaixo a relação completa do secretariado:

Mulheres: Procurador Geral do Estado - Sâmea Suruagy - advogada e procuradora de carreira Secretaria Estadual de Planejamento e Gestão - Renata Santos - mestranda em administração Gabinete Civil - Luíza Barreiros jornalista Secretaria Estadual de Esporte - Ângela Maria - educadora social bacharel em direito Secretaria Estadual da Mulher e Direitos Humanos - Maria José - indígena e administradora Secretaria de Assistência Social e Desenvolvimento - odontóloga e ex-prefeita Kátia Born Secretaria Estadual. de Agricultura - Dep. Estadual e advogada - Carla Dantas (Agricultura familiar - vai levar concurso público) - programa do Leite e irrigação (kits de irrigação) Controladoria Geral do Estado (aguarda) Secretaria Estadual da Cultura - ex-prefeita de Piranhas e advogada Melina Freitas (vai construir o Centro de referência de cultura) Secretaria Estadual de Desenvolvimento Econômico - advogada Carol Balbino Secretaria Estadual de Turismo - advogada Bárbara Braga Secretaria Estadual. da Cidadania e Pessoa com Deficiência - Aline Rodrigues (assistente social) Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia (em aberto) Secretaria Estadual de Governança - Poliana Santana

Homens

Secretaria Estadual da Fazenda - George Santoro Secretaria Transporte e Desenvolvimento - ,Mozart Amaral Secretaria Estadual de Infraestrutura - Rui Palmeira - ex-prefeito (canal do sertão, esgotamento sanitário) Secretaria Estadual de Segurança - Flávio Saraiva Secretaria Estadual de Educação - Marcius Beltrão Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos - arquiteto Gino César Secretaria Estadual de Governo - mestre em ciência política e doutorando advogado Vítor Pereira Secretaria Estadual da Saúde - médico Gustavo Pontes de Miranda Secretaria Estadual de Prevenção à Violência - delegado Kelmen Vieira Secretaria Estadual de Comunicação - Joaldo Cavalcante Secretaria Estadual de Ressocialização - Diogo Zeferino Teixeira Secretaria Estadual de Emprego, Renda e Trabalho - bacharel em direito Arthur Albuquerque”

Mais matérias
desta edição