app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5710
Política Brasília (DF), 13/02/2023 - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva durante cerimônia de assinatura de decretos recriando o Programa Pró-Catador de materiais recicláveis.

LULA VISITA O NE PARA RETOMAR MINHA CASA, MINHA VIDA E RODOVIAS

Presidente estará hoje na Bahia e amanhã em Sergipe; depois do carnaval, governo quer relançar programa de cisternas

Por G1 | Edição do dia 14/02/2023 - Matéria atualizada em 14/02/2023 às 04h00

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) viaja à Bahia hoje para retomar o programa Minha Casa, Minha Vida – transformado em Casa Verde Amarela no governo do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL). Amanhã, o petista viajará a Sergipe para relançar um programa de obras em rodovias federais. O g1 apurou que o presidente pediu ao ministro da Casa Civil, Rui Costa, que montasse um cronograma de viagens e entregas, em busca de uma agenda positiva para este início de governo. Interlocutores petistas afirmaram que o tema foi tratado durante reunião do diretório nacional do PT ontem, em Brasília. Além de Rui Costa, participaram do encontro a presidente da sigla, Gleisi Hoffmann (PT-PR); e os líderes do governo na Câmara, José Guimarães (PT-CE); do PT no Senado, Fabiano Contarato (ES); e da sigla na Câmara, Zeca Dirceu (PT-PR). O ministro da Fazenda, Fernando Haddad, também participou do evento.

4,4 MIL UNIDADES DO MINHA CASA, MINHA VIDA

Conforme o g1 apurou, na reunião, Rui Costa disse que serão inauguradas 4,4 mil unidades do Minha Casa, Minha Vida – programa de moradia popular – durante visita à cidade de Santo Amaro, no recôncavo baiano. São casas populares de um conjunto que estava pronto desde 2014, mas que ainda não tinham sido entregues por problemas de acesso ao local. As unidades habitacionais na cidade foram contratadas inicialmente em 2013, chegaram a ser praticamente concluídas. No entanto, ficaram abandonadas por alguns anos e tiveram que ser reformadas. O programa habitacional retorna com a proposta de destinar 50% das unidades financiadas ou subsidiadas para a Faixa 1 – famílias com renda bruta de até R$ 2,6 mil. Os subsídios nessa faixa variam entre 85% e 95%. O programa habitacional passará a incluir a possibilidade de locação social, aquisição de moradia urbana usada e opções para famílias em situação de rua. Serão entregues, de forma simultânea, um total de 2,7 mil unidades habitacionais em nove municípios em seis estados. Os investimentos totalizam R$ 206, 9 milhões. De acordo com o PT, cerca de 174 mil unidades do programa Minha Casa, Minha Vida cujas obras foram lançadas no governo Dilma Rousseff e ainda não foram finalizadas deverão ser retomadas.

PROGRAMA DE CISTERNAS

Na reunião, Costa também teria dito que, depois do carnaval, ainda sem data definida, Lula pretende retomar o Água para Todos, um programa de construção de cisternas em regiões com pouco abastecimento de água. Também depois do feriado deve haver o lançamento do Novo Bolsa Família, programa de assistência social que foi transformado no Auxílio Brasil durante a gestão Jair Bolsonaro. Lula também deve viajar para anunciar a retomada de obras paradas em creches e escolas. Cerca de quatro mil construções do tipo estão paradas, segundo o governo.

Mais matérias
desta edição