app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5735
Política

MP s� retomar� a apura��o em janeiro

A apuração das denúncias sobre supostas irregularidades na venda de tubos da adutora que liga Belo Monte a Jacaré dos Homens pelo Ministério Público Estadual (MPE) será suspensa durante o período de recesso natalino no órgão, devendo ser retomada em 5 de

Por | Edição do dia 16/12/2005 - Matéria atualizada em 16/12/2005 às 00h00

A apuração das denúncias sobre supostas irregularidades na venda de tubos da adutora que liga Belo Monte a Jacaré dos Homens pelo Ministério Público Estadual (MPE) será suspensa durante o período de recesso natalino no órgão, devendo ser retomada em 5 de janeiro. O objetivo da investigação é saber se houve crime no processo de venda dos tubos e apontar os responsáveis. Ontem, foram ouvidos os depoimentos do engenheiro Luís Emanoel de França Costa e de Nilton Lins Buarque, que ocupou o cargo de diretor-administrativo da Companhia de Abastecimento d’Água e Saneamento de Alagoas (Casal) em 2003. Os promotores de Justiça Sidrack Nascimento, Nilson Miranda e Norma Tenório, do Núcleo da Fazenda Pública Estadual, apuram as denúncias feitas numa representação encaminhada ao órgão pelo ex-presidente da Casal, Marcos Carnaúba. Além de Carnaúba, os promotores já ouviram o atual presidente da Casal, Jorge Briseno, do ex-diretor financeiro da estatal, Dgerson Vieira (que assinou a representação encaminhada ao MP denunciando as irregularidades), do leiloeiro Isaldo Sobral e Silva e do ex-diretor-administrativo da Casal, Vorney Mendes. A Assembléia Legislativa também está investigando o caso. Os depoimentos de ontem foram suspensos – por conta do sepultamento do ex-deputado Sabino Romariz – mas serão retomados na terça-feira, às 10 horas.

Mais matérias
desta edição