app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5715
Rural

Cooperativismo passa a integrar estrutura do Mapa

Foco da secretaria está na agregação de valor aos produtos dos pequenos, médios e grandes produtores

Por MAPA | Edição do dia 04/02/2023 - Matéria atualizada em 04/02/2023 às 04h00

A antiga Secretaria de Inovação, Desenvolvimento Sustentável e Irrigação (SDI) do Ministério da Agricultura passou a agregar também o Cooperativismo. De acordo com o decreto, a Secretaria será responsável por formular políticas públicas para a inovação e o desenvolvimento rural, fundamentadas em práticas agropecuárias inovadoras e sustentáveis, com o objetivo de promover a sua integração com outras políticas públicas. 

A partir dessas políticas se buscará a melhoria do ambiente brasileiro de inovação para a agricultura, pecuária e florestas plantadas; a modernização e inovação na agropecuária, incluídos programas de conectividade, de ecossistema digital, de bioeconomia e de novas tecnologias; competitividade e sustentabilidade das cadeias produtivas agrícolas, pecuárias e de florestas plantadas; cooperativismo e associativismo rural; além de outros objetivos.

 

Ministério da Agricultura, junto com o MDA, vai trabalhar o cooperativismo e o associativismo para agregar valor ao produto
Ministério da Agricultura, junto com o MDA, vai trabalhar o cooperativismo e o associativismo para agregar valor ao produto - Foto: REPRODUÇAO
  

Cooperativismo 

Em se tratando do Cooperativismo, o foco da SDI está na agregação de valor aos produtos dos pequenos, médios e grandes produtores. Há a preocupação da área em valorizar os produtos das cooperativas brasileiras de forma tangível, aumentando a agregação de valor na cadeia de valor. Ou seja, além do produto ser primário (milho em grão, por exemplo), será também secundário e terciário (derivados). É também intangível, que são produtos com processos de baixa emissão carbono, ou de regiões tradicionais que têm Indicação Geográfica (IG).

“O Ministério da Agricultura, junto com o MDA, vai trabalhar o cooperativismo e o associativismo para agregar valor ao produto. Todos de mãos dadas em prol do produtor”, disse a secretária Renata Miranda.

Mais matérias
desta edição