app-icon

Baixe o nosso app Gazeta de Alagoas de graça!

Baixar
Nº 5749
Rural

“Semana de portas abertas”... .

... vai apresentar animais do Leilão Fazenda Mangabeira

Por Editoria do Gazeta Rural | Edição do dia 09/09/2023 - Matéria atualizada em 09/09/2023 às 04h00

Em mais um ano, trazendo o melhor da genética voltada para a pecuária de corte, o pecuarista Gustavo Barreto promove o 3º Leilão Fazenda Mangabeira, no domingo, 17, com a oferta de 25 lotes de touros e matrizes da raça santa gertrudis. Neste ano, antes do remate que vai acontecer no formato virtual, os clientes terão a oportunidade de vistoriar o rebanho através da “Semana de portas abertas”, que vai acontecer entre os dias 11 e 16, na Fazenda Mangabeira, em Japaratuba/SE.

De acordo com o criador Gustavo Barreto, a novidade será oportunidade para ampliar o conhecimento prévio sobre o rebanho santa gertrudis que é uma das raças mais utilizadas no cruzamento industrial. “A equipe da Fazenda vai estar disponível para apresentar os animais e toda a seleção do leilão. Será neste momento em que vamos tirar dúvidas e esclarecer sobre a capacidade técnica do santa gertrudis em agregar produtividade à pecuária de qualquer criador”, disse.

 

Evento acontece entre os dias 11 e 16, na Fazenda Mangabeira, em Japaratuba/SE
Evento acontece entre os dias 11 e 16, na Fazenda Mangabeira, em Japaratuba/SE - Foto: Ascom
 

Com atendimento diferenciado e exclusivo, a Semana de Portas Abertas Fazenda Mangabeira também servirá como ponto de partida para novos pecuaristas que devem iniciarem na criação da raça por meio do leilão. “O nosso rebanho virou uma referência no Nordeste e com forte procura no sul, sudeste e agora no Norte brasileiro. O santa Gertrudis é uma raça que alta habilidade para produção de carne e o nosso rebanho é pautado pela avaliação e pelo desempenho da genética na conversão do ganho de peso”, disse o criador.

Barreto assegura que o leilão contará com “animais altamente selecionados e aprovados”. “Todos os bovinos disponíveis foram submetidos à prova de desempenho da Embrapa Geneplus e possuem certificação comprovada do programa de melhoramento genético”, alega Gustavo.

Mais matérias
desta edição